Política Anti-SPAM

Entende-se por SPAM o envio de uma ou mais mensagens à caixa postal de alguém que não a solicitou.

Encarada por alguns como uma nova forma de mídia, isso não quer dizer que esta seja mais uma ferramenta de auxílio ao nosso alcance, e sim um inconveniente que pode causar problemas de grandes proporções. Por esse motivo a World Online não permite essa prática de envio de mensagens utilizando nossa infra-estrutura.

A prática de SPAM é altamente prejudicial para as pessoas que recebem essas mensagens, que se deparam com um grande número de mensagens em sua caixa de e-mail, e que perdem boa parte de seu tempo, deletando e-mails que não desejaria receber, para que sua caixa de e-mails não fique lotada, impossibilitando o recebimento de mensagens que são de real importância.

Além disso, quem envia estes e-mails, utiliza de forma prejudicial o servidor SMTP com o qual está o e-mail, fazendo com que seja gerado um alto processamento no servidor, gerando lentidão para o processamento das demais mensagens que precisam também ser enviadas. Outro agravante é a possibilidade do servidor de e-mails de onde saíram as mensagens consideradas SPAM, ser incluso em listas negras de domínios e servidores de forma que, qualquer mensagem advinda deste servidor, não sejam mais recebidas. Ou seja, todos os demais usuários que se utilizam deste servidor compartilhado serão prejudicados, uma vez que o bloqueio do recebimento, por parte de alguns provedores, será válido para o servidor, e não apenas para o domínio que realizou o envio de mensagens não solicitadas.

Os seguintes procedimentos serão adotados pelo nosso departamento técnico:

  • Quando constatada a hipótese de prática de SPAM, o responsável pelo domínio será notificado por escrito, comprometendo-se a cessar imediatamente o envio das mensagens, e, a não mais realizar este tipo de prática.
  • Para os casos de caso de reincidência, o domínio responsável ou referenciado pelo SPAM será suspenso, ou seja, site e e-mail deixarão de funcionar corretamente.

Devido ao fato de não existir legislação que garanta direitos aos Spammers, será ignorado qualquer argumento que vise a desconsideração de SPAM, salvo o caso de explícita permissão do destinatário (através da assinatura prévia de um boletim informativo OPT-IN, por exemplo).

Entendemos que para algumas pessoas, o envio de e-mails seja uma forma mais barata de fazer a divulgação de seu site ou serviço, mas infelizmente esta não é a melhor forma de fazê-lo, uma vez que esta prática prejudica diversos usuários que utilizam seus respectivos endereços de e-mails como forma de trabalho. Além disso, estas mensagens podem estar sendo direcionadas à pessoas que não são o público alvo de seu produto / serviço.

Lembramos que não existe nenhuma legislação brasileira referente ao assunto SPAM, portanto, não será válida qualquer informação de que os e-mails não serão considerados SPAM devido a algum congresso ou legislação, sejam eles nacionais ou estrangeiros. Lembramos ainda que Projeto de Lei não é um argumento legal válido.

Abaixo, selecionamos alguns links interessantes que dizem mais a respeito sobre a prática de SPAM: